quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

O que é isso,

esse cheiro guardado,


patchouli envenhecido

perdido no olfato?


É o meu amor

assim ao acaso lembrado


numa tarde de quarta-feira

bem ao meio do trabalho.




Foto minha

4 comentários:

Mai disse...

É a lembrança que, basta uma lâmina d'água ou um banho de cheiros que as amenas memórias retornam e reacendem e reascendem em patchouli.
A memória tem uma vontade que é 'linkada' ao olfato.
abraços

Marisete Zanon disse...

cheiros nos trazem várias lembranças...
esmaques pra ti!

Gerana Damulakis disse...

"É o meu amor/ assim ao acaso lembrado". Quem sabe, faz: dito, ou lugar comum verdadeiro, pois basta dizer estes 2 versos em voz alta.
Estou amando "Meu Amor".

Marcus Vinícius Rodrigues disse...

Obrigado, meninas.